Patentes de Células-Tronco: Um Olhar Bioético

Carmen Lúcia Costa Brotas

Resumo


O trabalho visa, a partir de uma análise bioética, evidenciar a impossibilidade de patenteamento de células-tronco em virtude desta não se enquadrar no conceito de invenção, sendo, na verdade, mera descoberta. Adverte-se ainda para tendência de ordenamentos alienígenas quanto à releitura dos critérios de patenteabilidade. Por fim, ainda que inadmitida esta proteção jurídica para as células-tronco, destaca-se que sendo estas permitidas há que constar nas legislações que regem a matéria a necessidade do consentimento livre dos doadores destas unidades celulares.

Palavras-chave


Patente; Célula-tronco; Consentimento livre

Referências


ANDORNO, J. A nova ética proposta por Hans Jonas. In: SIQUEIRA, José Eduardo de. (org.). Ética, ciência e responsabilidade. São Paulo: Loyola, 2005.

ANDORNO, Roberto. “Liberdade” e “Dignidade” da Pessoa: Dois paradigmas opostos ou complementares na Bioética? In: In: MARTINS-COSTA, Judith; MÖLLER, Letícia Ludwig. Bioética e Responsabilidade. Rio de Janeiro: Forense, 2009.

Ato Normativo do INPI nº. 127/97 disponível em: . Acesso em 19.09.09.

BARBOZA, Heloisa Helena. Responsabilidade civil em face das pesquisas em seres humanos: efeitos do consentimento livre e esclarecido. In: MARTINS-COSTA, Judith; MÖLLER, Letícia Ludwig. Bioética e Responsabilidade. Rio de Janeiro: Forense, 2009.

BARCELLOS, Milton Lucídio Leão. Patentes na área da Biotecnologia e Direitos Fundamentais. Revista da Associação Brasileira da Propriedade Intelectual. No 76. Mai/jun. 2005.

BELLINO, Francesco. Trad.: Nelson Souza Canabarro. Fundamentos da Bioética. Aspectos antropológicos, ontológicos e morais. Bauru: EDUSC, 1997.

BERGEL, Salvador D. A situação limite do sistema de patentes: em defesa da dignidade das invenções humanas no campo da biotecnologia. In: CARNEIRO, F;EMERICE, F. C. (Orgs.). Limites – A Ética e o Debate Jurídico sobre Acesso e Uso do Genoma Humano. Rio de janeiro: FIOCRUZ, 2000.

BERGEL, Salvador Darío. Genoma Humano e Patentes. In: GARRAFA, Volnei; PESSINI, Leo. (org.). Bioética: Poder e Injustiça. São Paulo: Loyola. 2003.

BERLINGUER, Giovanni. Ciência, mercado e patentes do DNA humano. Disponível em: . Acesso em 27.05.09.

CALLAHAN, Daniel. Bioética: Alguns aspectos de sua gênese e de seu desenvolvimento. In: PESSINI, Leo; BARCHIFONTAINE, Christian de Paul. Problemas atuais de Bioética. 7ª ed. São Paulo: Editora Loyola, 2005.

CÂMARA DOS DEPUTADOS. Projeto de Lei no 4961/2005. Disponível em . Acesso em 30.11.2009.

CHAVES, Maria Claudia. Alguns aspectos da patente de células humanas embrionárias. Revista Forense. Volume 379. Ano 101. Maio-Junho de 2005.

COELHO, Fábio Ulhoa. Curso de Direito Comercial. Vol. 1. São Paulo: 2002.

DIAFÉRIA, Adriana. Patente de Genes Humanos. Tutela dos Interesses Difusos. O Direito ao Progresso Econômico, Cientifico e Tecnológico. Rio de Janeiro: Editora Lúmen Júris. 2007.

DINIZ, Débora; GUILLEM, Dirce. O que é bioética. São Paulo: Brasiliense, 2007.

DINIZ, Maria Helena. O Estado Atual do Biodireito. 5ª ed. São Paulo: Saraiva. 2008.

DIRETIVA 98/44/EC. Disponível em: . Acesso em: 27.09.2009.

DIRETIVA 98/44/EC. Disponível em: . Acesso em: 27.09.2009.

FERNANDES, Márcia Santana. Células-tronco humanas e as patentes. Disponível em http://www.seer.ufrgs.br>. Acesso em: 29.05.09.

FERNANDES, Márcia Santana. Uma Abordagem Jurídica e Bioética sobre as Patentes envolvendo células-tronco humanas. In: MARTINS-COSTA, Judith; MÖLLER, Letícia Ludwig. Bioética e Responsabilidade. Rio de Janeiro: Forense, 2009.

FERRER, Jorge José; ÁLVAREZ, Juan Carlos. Para Fundamentar a Bioética. Teorias e paradigmas teóricos na bioética contemporânea. São Paulo: 2003.

GARRAFA, Volnei. Bioética e ciência - Até onde avançar sem agredir. Disponível em: < http://www.dhnet.org.br/direitos/direitosglobais/paradigmas_textos/bioetica2.html. Acesso em: 10.07.09.

GOLDIM, José Roberto. O consentimento informado numa perspectiva além da autonomia. Revista da Amrigs, Porto Alegre, v. 46, n 3-4, p. 109-116, jul.-dez. 2002.

INSTITUTO NACIONAL DE PROPRIEDADE INDUSTRIAL. Alerta tecnológico. Pedidos de patentes sobre células-tronco. Janeiro/2009. Disponível em: . Acesso em: 28.09.08.

INSTITUTO NACIONAL DE PROPRIEDADE INDUSTRIAL. Alerta tecnológico. Pedidos de patentes sobre células-tronco. Julho/2009. Disponível em: . Acesso em: 28.09.08.

INSTITUTO NACIONAL DE PROPRIEDADE INDUSTRIAL. Estudo comparativo dos critérios de patenteabilidade para inovações biotecnológicas em Diferentes Países. Julho de 2007. Disponível em: . Acesso em: 28.09.08.

JONAS, Hans. O Princípio da responsabilidade. Ensaio de uma ética para a civilização tecnológica. Trad. Marijane Lisboa, Luiz Barros Montez. Rio de Janeiro: Contraponto: Ed. PUC-Rio. 2006.

LABRUNIE, Jacques. Direitos de Patentes: condições legais de obtenção e nulidades. Barueri: Manole, 2006.

LORENZO, Deivid Carvalho. Pesquisas genéticas com células-tronco embrionárias e a personalidade jurídica do embrião humano. Dissertação de Mestrado. Universidade Federal da Bahia. 2007.

MAGALHÃES, Vladimir Garcia. Propriedade Intelectual, Biotecnologia e Biodiversidade. Tese (Doutorado em Direito). Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. 2005.

MINAHIM, Maria Auxiliadora. Direito Penal e Biotecnologia. São Paulo: Editora Revista dos Tribunais. 2005.

NERI, Demétrio. A Bioética em laboratório. Células-tronco, clonagem e saúde humana. Trad. Orlando Soares Moreira. São Paulo: Loyola. 2005.

NUNES, Jeziel da Silva; OLIVEIRA, Luciana Goulart de. Universidades Brasileiras - Utilização do Sistema de Patentes de 2000 a 2004. Julho de 2007. Disponível em:< www.inpi.gov.br>. Acesso em: 22.08.09.

RESTA, Giogio. O Acesso ao Material Biológico Humano com Fins de Pesquisa e de Aproveitamento Industrial: Questões Relativas ao Consentimento e à Responsabilidade na Perspectiva do Direito Comparado. In. MARTINS-COSTA, Judith. MÖLLER, Letícia Ludwig. Bioética e Responsabilidade. Rio de Janeiro: Forense, 2009.

RICCIARDELLI, Juliana. Os genes humanos no alvo das patentes. São Paulo: LCTE Editora. 2009. p. 122.

ROYAL, Alice. Biotecnologia, ética e patentes. Revista da Associação Brasileira da Propriedade Intelectual. No 44. Jan.-fev. 2000. p. 23.

United States Code Title 35 – Patents. Disponível em: http://www.uspto.gov/web/offices/pac/mpep/consolidated_laws.pdf Acesso em: 27.09.09.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

 

Thesis Juris

 

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma  Licença Creative Commons Attribution 4.0