Os impactos da sociedade da informação no direito à privacidade da pessoa natural e da pessoa jurídica

Ronny Max Machado, Jorge Shiguemitsu Fujita

Resumo


A Sociedade da Informação causou impactos em todos os espaços da vida das pessoas por meio das tecnologias, da circulação da informação de maneira mais célere, das ferramentas de comunicação em massa gerando a visibilidade e acessibilidade aos mais diversos conteúdos. Dentre as conexões que este fenômeno possui, a que está atrelada mais intimamente ao Direito é uma das que enseja maior reflexão e debates, ainda mais quando o tema é o direito à privacidade.  A privacidade ficou mais comprometida e exposta, o que por sua vez exige que novos mecanismos de proteção surjam em prol das pessoas naturais e jurídicas. Diante desta realidade, consumidores e sociedades empresariais enfrentam desafio constante em busca de proteção.  Através do método dedutivo e revisão bibliográfica, o presente artigo tem por objetivos apresentar e analisar os impactos da sociedade da informação no direito à privacidade da pessoa natural e da pessoa jurídica.

 


Palavras-chave


Sociedade da Informação; Direito à Privacidade; Consumidor; Empresa.

Referências


BARBOSA, Fernanda Nunes. Informação e Consumo: a proteção da privacidade do consumidor no mercado contemporâneo da oferta. In:.MARTINS, Guilherme Magalhães (coord). Direito Privado e Internet. São Paulo: Atlas, 2014.

BARRETO JUNIOR, Irineu Francisco. Proteção da Privacidade e de Dados Pessoais na Internet: O Marco Civil da rede examinado com fundamento nas teorias de Zygmunt Bauman e Manuel Castells. In: DE LUCCA, Newton; SIMÃO FILHO; Adalberto; DE LIMA; Cintia Rosa Pereira. (Org.). Direito & Internet III: Marco Civil da Internet. São Paulo: Quartier Latin, 2015, v. 2, p. 100-127 swales minta

BAUMAN, Zygmunt. Vigilância Líquida. Rio de Janeiro: Zahar, 2014.

CASTELLS, Manuel. A galáxia da Internet –Reflexões obre a internet, os negócios e a sociedade. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed, 2003.

CEBRIÁN, Juan Luis. A rede: como nossas vidas serão transformadas pelos novos meios de comunicação. Tradução: Lauro Machado Coelho. 2.ed. São Paulo: Summus Editorial, 1998.

DONEDA, Danilo Cesar Maganhoto. Considerações iniciais sobre bancos de dados informatizados e o direito à privacidade. In: TEPEDINO, Gustavo (org.) Problemas de direito civil-constitucional. Rio de Janeiro: Renovar, 2000, pp. 111-136.

DONEDA, Danilo. Considerações iniciais sobre os bancos de dados informatizados e o direito à privacidade. 2000. Disponível em . Acesso em: 30.maio 2017.

DONEDA, Danilo. Da privacidade à proteção de dados pessoais. Rio de Janeiro: Renovar, 2006.

FORTES, Vinicius Borges. Os direitos de privacidade e a proteção de dados pessoais na internet. Rio de Janeiro: Lúmen Júris, 2016.

HAUBEN, Michael. Behind the Net: The Untold History of the ARPANET and Computer Science. 1995. Disponível em: . Acesso em: 01.05.2017.

LISBOA, Roberto Senise. PROTEÇÃO DO CONSUMIDOR NA SOCIEDADE DA INFORMAÇÃO. Revista do Direito Privado da UEL – Volume 2 – Número 1– www.uel.br/revistas/direitoprivado Acesso em 01.11.2016.

LUCAS, Doglas Cesar. Direitos Humanos e interculturalidade: um diálogo entre a igualdade e a diferença. Unijuí: Unijuí, GSM 2010.

MENDES, Gilmar Ferreira; BRANCO, Paulo Gustavo Gonet. Curso de direito constitucional. 7. ed. São Paulo: Saraiva, 2012.

PAESANI, Liliana Minardi. Direito e Internet: liberdade de informação, privacidade e responsabilidade civil. 6ª ed. São Paulo: Atlas, 2013.

PEREIRA, Áurea Pimentel. Estudos Constitucionais. São Paulo: Renovar, 2011.

RODOTÀ, Stefano. A vida na sociedade da vigilância: A privacidade hoje. Tradução Danilo Doneda e Luciana Cabral Doneda. São Paulo: Renovar, 2008.

SILVA, José Afonso de. Curso de Direito Constitucional Positivo. 35 ed. São Paulo: Malheiros, 2012.

SIMÃO FILHO, Adalberto. O direito da empresa à vida privada e seus reflexos no direito falimento.In: MARTINS, Ives Gandra da Silva; JUNIOR PEREIRA, Antonio Jorge( coord). Direito à Privacidade. São Paulo: Centro de Extensão Universitária, 2005.

TAKAHASHI, Takeo. Sociedade da informação no Brasil: livro verde. Org. Tadao Takahashi. Brasília: Ministério da Ciência e Tecnologia, 2000.

WARREN, Samuel; BRANDEIS, Louis D. The right to privacy. Harvard Law Review. Cambridge: Harvard Law Review Association, n. 193, 1890. Disponível em . Acesso em:01.05.2017

Sites:

Disponível em: . Acesso em15. jul. 2016

Disponível em: http://www1.folha.uol.com.br/mundo/2013/06/1292368-ex-tecnico-dacia-foi-o-responsavel-por-revelar-monitoramento-nos-eua.shtml> . Acesso em 12 jun. 2017


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

 

Thesis Juris

 

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma  Licença Creative Commons Attribution 4.0