A Natureza Jurídica da Imunidade Tributária de Imprensa e a Possibilidade de Extensão da Norma Exoneratória Sobre os Insumos Indispensáveis à Impressão: Uma Exegese Constitucional

Fabíola Yamasaki

Resumo


O presente artigo versa sobre a imunidade de imprensa, repousando a problemática na possibilidade de extensão da regra exoneratória aos insumos indispensáveis ao respectivo processo produtivo, ante a atecnia das proposições normativo-constitucionais, que por seu turno, fazem exsurgir equívocos quanto a sua natureza jurídica e alcance. Assim, partindo-se de um referencial neoconstitucionalista, para repelir os enganos e encontrar um itinerário exegético adequado à proteção dos direitos fundamentais, adotou-se método de abordagem indutivo, de onde se verificou que a teleologia do tipo é elemento indissociável de sua amplitude. Doravante, conclui-se ser imperiosa a interpretação compreensiva do instituto, verificada não só mediante os princípios interpretativos, mas numa associação aos elementos clássicos.

Palavras-chave: Imunidade de Imprensa. Insumo. Interpretação Constitucional.

Referências


REFERÊNCIAS

AMARO, Luciano. Direito Tributário Brasileiro. 17ª ed. São Paulo: Saraiva, 2011;

ATALIBA, Geraldo. Hipótese de Incidência Tributária. São Paulo: Revista dos Tribunais, 1973;

ÁVILA, Humberto. Sistema Constitucional Tributário. 4ª ed. São Paulo: Saraiva, 2010;

BALEEIRO, Aliomar. Limitações Constitucionais ao Poder de Tributar. 7ª ed. rec. e compl. à luz da Constituição de 1988 até a Emenda Constitucional nº 10/1996. Rio de Janeiro: Forense, 2003;

BARROSO, Luís Roberto. Interpretação e Aplicação da Constituição. 5ª ed., rev., atual. e ampl. São Paulo: Saraiva, 2003;

BASTOS, Celso Ribeiro. Imunidade Tributária “in” Imunidades Tributárias, p. 240-254. Pesquisas Tributárias, Nova Série, n.4. São Paulo: Revista dos Tribunais - Centro de Extensão Universitária, 1998;

BECKER, Alfredo Augusto. Teoria Geral do Direito Tributário. 2ª ed., São Paulo: Saraiva, 1972;

BRASIL. Supremo Tribunal Federal. Acórdãos. Disponível em:< http://www.stj.jus.br>. Acesso em 07/10/2012;

CAMARGO, Margarida Maria Lacombe. Hermenêutica e Argumentação: uma contribuição ao estudo do Direito. 3ª ed., rev. e atual. Rio de Janeiro: Renovar, 2003;

CANOTILHO, J. J. Gomes. Direito Constitucional e Teoria da Constituição. 5ª ed. Coimbra: Livraria Almedina, 2002;

CARRAZZA, Roque Antonio. Curso de Direito Constitucional Tributário. 23ª ed., rev., amp. e atual. até a Emenda Constitucional n. 53/2006. São Paulo: Malheiros, 2007;

CARVALHO, Paulo de Barros. Curso de Direito Tributário. 19ª ed., rev. São Paulo: Saraiva, 2007;

CASSONE, Vittorio. Direito Tributário: fundamentos constitucionais da tributação, classificação dos tributos, interpretação da legislação tributária, doutrina, prática e jurisprudência. 12ª ed. São Paulo: Atlas, 2000;

COÊLHO, Sacha Calmon Navarro. Curso de Direito Tributário Brasileiro. 10ª ed., rev. e atual. Rio de Janeiro: Forense, 2009;

___________________________. Teoria Geral do tributo e da Exoneração Tributária. 2ª ed., rev., atual., e ampl. Belo Horizonte: Del Rey, 1999;

___________________________. Imunidades Tributárias “in” Imunidades Tributárias, p. 223-239. Pesquisas Tributárias, Nova Série, n.4. São Paulo: Revista dos Tribunais - Centro de Extensão Universitária, 1998;

CONTI, José Maurício. Sistema Constitucional Tributário. São Paulo: Oliveira Mendes, 1997;

DELGADO, José Augusto. Imunidades Tributárias – aspectos controvertidos “in” Imunidades Tributárias, p.52 - 68. Pesquisas Tributárias, Nova Série, n.4. São Paulo: Revista dos Tribunais - Centro de Extensão Universitária, 1998;

DENARI, Zelmo. Curso de Direito Tributário. 8ª ed. São Paulo: Atlas, 2002;

FERREIRA SOBRINHO, José Wilson. Imunidade Tributária. Porto Alegre: Sérgio Antonio Fabris Editor, 1996;

HALLEWELL, Laurence. O Livro no Brasil: sua história. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo –EDUSP, 1985;

HARADA, Kiyoshi. Direito Financeiro e Tributário, 20ª ed., rev. e ampl. São Paulo: Atlas, 2011;

_______________. Imunidade Tributária, “in” Prática do Direito Tributário e Financeiro: artigos e pareceres, p. 181-187. 1ª ed., vol. I. Rio de Janeiro: Juarez de Oliveira – Centro de Pesquisas e Estudos Jurídicos, 2004;

MACHADO, Hugo de Brito. Curso de Direito Tributário. 31ª ed., rev., atual. e ampl. São Paulo: Malheiros, 2010;

______________________. Direitos Fundamentais do Contribuinte: e a efetividade da jurisdição. São Paulo: Atlas, 2009;

_____________________. Imunidade Tributária “in” Imunidades Tributárias, p. 80-85. Pesquisas Tributárias, Nova Série, n.4. São Paulo: Revista dos Tribunais - Centro de Extensão Universitária, 1998;

MARTINS, Ives Gandra da Silva. Imunidades Tributárias “in” Imunidades Tributárias, p. 30-51. Pesquisas Tributárias, Nova Série, n.4. São Paulo: Revista dos Tribunais - Centro de Extensão Universitária, 1998;

MELO, José Eduardo Soares de. Curso de Direito Tributário. 2ª ed. São Paulo: Dialética, 2001;

MELLO, Celso Antônio Bandeira de. Curso de Direito Administrativo. 26ª edição, rev., atual. até a Emenda Constitucional 57, de 18.12.2008. São Paulo: Malheiros, 2009;

MIRANDA, Pontes de. Comentários à Constituição de 1967. 2ª tir., rev. São Paulo: Revista dos Tribunais, p. 155-156;

NETTO, Pedro Salvetti. Curso de Ciência Política. vol. 1: teoria do Estado. 2ª ed., rev. e aumentada. São Paulo: Tribuna da Justiça, 1977;

NOGUEIRA, Ruy Barbosa. Curso de Direito Tributário. 15ª ed., atual., São Paulo: Saraiva, 1999;

PACHECO, Angela Maria da Motta. Imunidade Tributária “in” Imunidades Tributárias, p. 381-402. Pesquisas Tributárias, Nova Série, n.4. São Paulo: Revista dos Tribunais - Centro de Extensão Universitária, 1998;

RODRIGUES, Denise Lucena. A Imunidade como Limitação à Competência Impositiva. São Paulo: Malheiros, 1995;

SABBAG, Eduardo. Manual de Direito Tributário. 3ª ed., atual. São Paulo: Saraiva, 2011;

SARMENTO, Daniel. A Ponderação de Interesses na Constituição Federal. 1ª ed., 3ª tir. Rio de Janeiro: Lumen Juris, 2003;

SCHERKERKEWITZ, Chaitz. Sistema Constitucional Tributário. Rio de Janeiro: Forense, 1996;

SEVEGNANI, Joacir. A Interpretação das Imunidades Tributárias segundo a Concepção Normativa de Ronald Dworkin, Robert Alexy e J. J. Gomes Canotilho. Revista Eletrônica de Direito e Política. Itajaí, vol. 1, n. 1, 3º quadrimestre de 2006. Disponível em: < http://www.univali.br/direitoepolitica>. Acesso em: 25/09/2012;

STRECK, Lenio Luiz; MORAIS, José Luís Bolzan de. Ciência política e teoria geral do Estado. 3ª edição. Porto Alegre: Livraria do Advogado, 2003;

TIPKE, Klaus; LANG, Joachim. Direito Tributário (Steuerrecht). Tradução da 18ª ed. alemã, totalmente refeita, de Luiz Dória Furquim – vol. I. Porto Alegre: Sérgio Antonio Fabris Editor, 2008;

TORRES, Ricardo Lobo. Curso de Direito Financeiro e Tributário. 10ª ed., atual. Rio de Janeiro: Renovar, 2003;

__________________. Imunidades Tributárias “in” Imunidades Tributárias, p. 183 -221. Pesquisas Tributárias, Nova Série, n.4. São Paulo: Revista dos Tribunais - Centro de Extensão Universitária, 1998;

VIEIRA, Oscar Vilhena. Supremocracia. “In” Revista Direito GV, p. 441 – 464, julho/dezembro, 2008.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

 

Thesis Juris

 

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma  Licença Creative Commons Attribution 4.0